Já sabemos que o envelhecimento é um processo natural que começa acontecer a partir do nosso nascimento, mas logo nos primeiros anos de vida perceber seus sinais é basicamente impossível. Estudos mais recentes apontam que os primeiros sinais de envelhecimento começam a ficar visíveis a partir dos 20 anos.

Inúmeros fatores podem causar ou intensificar a chegada do envelhecimento. Veja algumas das principais causas que podem trazer o envelhecimento e as formas de tratamento:

1 – Falta de hidratação

A epiderme não possui vascularização própria, ou seja, depende da hidratação que provém da derme e também do ambiente. A pele perde água por diversos fatores, por falta de uma alimentação mais úmida e pela própria falta de ingestão de água. Por isso os cuidados para protegê-la da perda de água são fundamentais, assim como repô-la, através de ativos hidratantes como ácido hialurônico, aquaporinas e hidrovance que são importantes para manter uma pele hidratada, assim como máscaras nutritivas e oclusivas que também podem potencializar a reposição de água nos tecidos, pois sabemos que oclusão e umectação são vias de hidratação dentro do mundo da cosmetologia.

Vai uma dica mara para você não perder a hidratação o Hidra Cream, clique aqui.

2 – Fotoenvelhecimento:

Quando analisamos a pele do corpo inteiro, as áreas que ficam expostas ao sol teem um aspecto totalmente diferente das outras áreas. O excesso de exposição solar associada à falta de proteção é a principal e maior causa do envelhecimento da pele. Além de também estar associado a um grande problema de saúde: O câncer de pele. A radiação solar que somos expostos diariamente, é um potente oxidante celular, trazendo inúmeras reações químicas capazes de promover alterações no DNA celular. Dessa forma, por mais que o corpo tenha mecanismos antioxidantes para combater os ataques promovidos pelos raios solares, eles acabam não sendo suficientes para evitar todo este processo e por conseqüência o envelhecimento. A melhor forma de nos proteger tanto do fotoenvelhecimento quanto do câncer de pele é o uso do protetor solar. De preferência os que possuam proteção UVA e UVB e antioxidantes em sua fórmula.

Vai uma dica para você estar sempre protegido o Dermosun Fluido FPS 32, clique aqui.

3 – Estresse:

É um quadro emocional responsável por diversas alterações e reações corporais, entre elas liberação e alterações hormonais, que podem modificar de forma drástica a pele, interferindo na degradação do colágeno, na do manto hidrolipidico da pele, podendo chegar até a quadros patológicos, como são os casos das alergias, psoríase e até mesmo o vitiligo.

Existem tratamentos estéticos que auxiliam no tratamento do envelhecimento de dentro para fora, com ativos como Revinage, EPS Sea fell, Sculptsense entre outros, que promoverão melhora do colágeno e elastina da pele. Como também ajudarão de fora pra dentro, através de massagens lifting.

As massagens auxiliam no alivio do estresse, relaxam a musculatura, oxigenam os tecidos e por tabela ajudam no tratamento do envelhecimento, atenuando as rugas e modelando a face, uma dica especial é tratamento Revisage 3D, clique aqui para ver.

4 – Má alimentação:

Com a correria do dia a dia, fica quase impossível manter o foco na alimentação saudável. Mas sabemos que uns dos órgãos que mais sofre com isso é a pele. O açúcar, por exemplo, é responsável por um processo de envelhecimento chamado, Glicação.

A glicação acontece quando um açúcar se liga a alguma proteína da pele, promovendo “endurecimento” destas proteínas. Dessa forma, as proteínas perdem função como elasticidade, deixando a pele flácida e desvitalizada.

A recomendação para evitar o envelhecimento através da má alimentação é reduzir o consumo de açúcar (refinado) e apostar na frutas, verduras, legumes e grãos, ricos em vitaminas e flavonóides. Cremes com antioxidantes, anti-glicantes e de-glicantes podem ajudar na reversão das estruturas que foram glicadas, atenuando as linhas de expressão e rugas finas. Vai ai uma dica em creme para prevenir o envelhecimento causado pela glicação, o Lissage Creme 3D, clique aqui.

5 – Fatores externos

O ar que respiramos hoje em dia, está cada vez mais carregado de toxinas, peças fundamentais na oxidação e formação de radicais livres, que por sua vez atacam as estruturas saudáveis acelerando o envelhecimento, permitindo que os sinais da poluição fiquem cravados sobre a pele. Por isso a limpeza diária é essencial para mantê-la protegida destes ataques, além do uso de ativos como o resveratrol, que além de “paralisar” o processo de envelhecimento das células, também é considerado um antipoluição.

E a dica aqui é o uso Elixir Nano Resveratrol, clique aqui.

6 – Tabagismo

O cigarro é responsável pela falta de oxigenação tecidual, e seus resultados são uma pele mais espessa, sem vida e com coloração alterada (amarelada). Além disso, é o responsável por distúrbios como a degradação acelerada de colágeno e elastina na pele, deixando-a mais flácida e com linhas de expressão, principalmente ao redor dos lábios devido a mímica feita durante o trago, formando a temida ruga conhecida popularmente como “Código de barras” – por deixar a região sobre o lábio superior cheia de linhas na vertical, semelhante a um código de barras.

Porém, a utilização do Miox Anti Sinais é a dica perfeita, clique aqui.

7 – Genética:

Por mais que muito se fale sobre a relação entre a genética e o envelhecimento, hoje sabemos que apenas 20% do que envelhecemos está relacionado a fatores genéticos, ou seja, 80% das linhas de expressão, rugas e flacidez é causado principalmente pelos outros fatores citados acima. Por isso, a melhor forma de estar bem e manter a pele sempre jovem são os cuidados estéticos nas clínicas com profissionais previamente habilitados e os cuidados em casa com hidratação, nutrição e fotoproteção. Quer conhecer outros produtos que podem te ajudar muito? Clique aqui.

 

 

 

 

7 Causas do envelhecimento da pele

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *