Sabemos que os primeiros sinais de envelhecimento aparecem de forma sutil e quase imperceptível ao redor dos olhos, quando sorrimos ou fazemos alguma mímica. Conhecida cientificamente como: Desordens periorbitais, essas alterações vão além do popularmente chamado “pés de galinha” até as tão temidas olheiras, bolsas e demais alterações.

Por ser tratar de uma área delicada e muito sensível, acaba sofrendo mais com os diversos fatores externos do dia a dia como a poluição e o fotoenvelhecimento, e também sofre com os fatores internos: o lacrimejar (a lágrima possui Ph próximo a 7,2, muito diferente do da pele) e até mesmo a degradação de colágeno e elastina que são intensas nessa área. Tudo isso acontece porque ao redor dos olhos a pele é mais fina, menos vascularizada e também por ser uma região que esta em constate movimento (atrito) através do piscar

Alguns fatores são muito relevantes na hora da decisão do tratamento, antes escolher o melhor produto devemos ficar atentos a causa da alteração para que possamos optar por melhores associações que tragam resultados eficientes, para isso vamos conhecer um pouco melhor cada alteração e suas causas:

Linhas de expressão (Rugas / Pés de galinha): Alterações causadas pela degradação de colágeno e elastina e falta de hidratação. Ocasionadas pelo envelhecimento.

Bolsas: Causada na maioria das vezes retenção hídrica (edema), resultante de poucas horas sonos ou estresse. Em alguns casos pode ser resultante de acúmulo de gordura. Quando as bolsas são causadas por gordura, a reversão ocorre apenas com intervenção semi cirúrgica.

Olheiras: As olheiras podem se dividir em 3 tipos:

  • Olheira por pigmentação: Causada pelo depósito de melanina próximo a área dos olhos
  • Olheiras por falta de oxigenação: Causada por má vascularização, falta de oxigenação tecidual. Trazendo a coloração arroxeada escurecendo o contorno dos olhos.
  • Falsa olheira: Característico em pessoas que possuem a cavidade ocular profunda, o que faz a região parecer sempre escura.

 

Para cada caso citado existe forma especifica de tratar. Em alguns os tratamentos em “cabine” feitos por profissionais devidamente habilitadas surtirão melhores resultados, devido as associações das tecnologias e bioativos.

 

Nas olheiras por falta oxigenação, por exemplo, os tratamentos profissionais com Bioativos poderosos como a Althéia que promoverá uma ação calmante e descongestionante para área, associada ao óleo de helliantus e chá branco.

Acompanhado de compressas com tônico de althéia que também tem em sua fórmula o hamamélis que traz ação vasoprotetora, amenizando o escurecimento da área e reduzindo as bolsas por edema.

Dica: Use e abuse da máscara purificante repair para uso em casa, duas vezes por semana, na área dos olhos.

Já se o incomodo forem às linhas de expressão a melhor pedida seriam os produtos com ativos antioxidantes como Antiox 3D e anti-aging como EPS Seafill. Ações, com efeito, “botox-like” também auxiliarão na redução das linhas e suavização do olhar quase de forma imediata.

Dica: Use e abuse do Miox para uso diário.

Miox Fluído Antissinais 3D Revisage

Preparamos um protocolo super inovador para tratamentos em cabine, veja só:

 

Como tratar olheiras, bolsas e rugas na área dos olhos?

2 ideias sobre “Como tratar olheiras, bolsas e rugas na área dos olhos?

  • 30/08/2017 em 16:12
    Permalink

    Sou esteticista aqui em João Pessoa na Paraíba, gostaria de conhecer os seus produtos com os valores, juntamente com os protocolos. Obrigada

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *