Peeling

Peelings possuem diversas funcionalidades para a pele e sua principal função é a descamação da primeira camada da pele, a epiderme, que resulta na renovação celular. Existem três tipos de peelings cosméticos usados por profissionais: são os químicos, enzimáticos e físicos.

O peeling químico é caracterizado pela associação de um ou mais ácidos, como o mandélico e o glicólico com efeito regenerador.  O peeling enzimático é a associação de uma ou mais enzimas naturais como da abóbora e do mamão que juntas conseguem realizar a ação descamativa suave. Já o peeling físico age de forma mecânica, com o uso de cristais de quartzo ou sementes de damasco. Já os procedimentos dermatológicos utilizam-se de laser para que ocorra essa mesma descamação, porém sua ação abrange camadas mais profundas da pele.

Peelings químicos são indicados para serem feitos no outono-inverno pois evita-se a exposição da pele ao sol, para que não ocorra a formação de manchas.

O Peeling Regenér é um tratamento seguro e consagrado que utiliza oito ácidos orgânicos em sinergia como o ácido elágico, ácido glicólico e o ascórbico. Pode ser usado em todos os tipos de pele e sua ação traz benefícios no tratamento de rugas, acne e manchas.